Este ensaio impressionante revela como é sentir depressão e ansiedade (às vezes, ao mesmo tempo)
Pessoas

Este ensaio impressionante revela como é sentir depressão e ansiedade (às vezes, ao mesmo tempo)

Ela conseguiu mostrar em imagens o que é difícil colocar em palavras.

Eu não preciso ir atrás de dados estatísticos sobre doenças mentais para afirmar que depressão e ansiedade são doenças muito comuns nos dias de hoje. Se você não as tem, provavelmente conhece alguém que tenha.

Porém, mesmo tão comum, é difícil explicar como é sentir depressão ou ansiedade. Ou os dois. Juntos.

Por isso o trabalho da fotógrafa Katie Joy Crawford merece destaque

A estudante de fotografia fez um ensaio muito íntimo sobre essas duas doenças que atacam a humanidade moderna. Ela explica.

“Através deste trabalho, eu estou interpretando visualmente minha própria jornada emocional e física para que os outros possam ser capazes de compreender esse peso que tantos carregam em nossa sociedade. Os sintomas físicos da doença, tais como coração acelerado, tonturas e falta de ar, muitas vezes passam despercebidos ou são mal interpretado por aqueles que nunca sofreram de ansiedade. Embora os sintomas físicos constituem uma grande parte da desordem, o lado emocional é extremamente difícil de lidar. Ansiedade impede que o doente assuma novos riscos, explore novas ideias e saia de sua zona de conforto. Ela garante que ele nunca vai estar sozinho. Ela vai encontra-lo mesmo em momentos de alegria ou sozinho em sua mente. Ela é calma e firme, lembrando de seus fracassos passados e fabricando seus resultados futuros.

Você se vê nessas fotos?

awebic-ensaio-ansiedade-depressao-1

Fonte: katiejoycrawford.wordpress.com

“Eu tinha medo de dormir. Eu senti o pânico mais bruto na escuridão plena. Na verdade, escuridão completa não era assustador. Era o pouco de luz que projetava uma sombra — uma sombra aterrorizante”.

awebic-ensaio-ansiedade-depressao-2

Fonte: katiejoycrawford.wordpress.com

“Falavam-me para respirar. Eu posso sentir meu peito se movendo para cima e para baixo. Para cima e para baixo. Para cima e para baixo. Mas por que sinto que estou sufocando? Eu seguro minha mão debaixo do meu nariz, certificando que há ar. Eu ainda não consigo respirar”.

awebic-ensaio-ansiedade-depressao-3

Fonte: katiejoycrawford.wordpress.com

“Um prisioneiro de minha própria mente. O instigador dos meus próprios pensamentos. Quanto mais eu penso, pior fica. Quanto menos eu penso, pior fica. Respire. Apenas respire. Derive. Isso vai aliviar em breve.”.

awebic-ensaio-ansiedade-depressao-4

Fonte: katiejoycrawford.wordpress.com

“Cortes tão profundos que parece que nunca vão se curar. Dor tão real, é quase insuportável. Eu me tornei isso… este corte, essa ferida. Tudo o que sei é a mesma dor, respiração afiada, olhos vazios, com as mãos trêmulas. Se é tão doloroso, por que deixa-lo continuar? A menos que… talvez seja tudo que você sabe”.

awebic-ensaio-ansiedade-depressao-5

Fonte: katiejoycrawford.wordpress.com

“Você foi criado para mim e por mim. Você foi criado para minha reclusão. Você foi criado na defesa venenosa. Você é feito de medo e de mentiras. Medo de promessas não correspondidas e de perder a confiança tão raramente dada. Você foi formando toda a minha vida. Mais forte e mais forte”.

awebic-ensaio-ansiedade-depressao-6

Fonte: katiejoycrawford.wordpress.com

“Não importa o quanto eu resisto, sempre estará aqui desesperado para me segurar, me cobrir, me quebrar. Todo dia eu luto contra isso. ‘Você não é bom o suficiente para mim e nunca será.’ Mas lá está ele, esperando por mim quando eu acordar e pronto para me segurar enquanto eu durmo. Ele tira o meu fôlego. Ele me deixa sem palavras”.

awebic-ensaio-ansiedade-depressao-7

Fonte: katiejoycrawford.wordpress.com

“Eu tenho medo de viver e eu tenho medo de morrer. Que maneira de existir!”

awebic-ensaio-ansiedade-depressao-8

Fonte: katiejoycrawford.wordpress.com

“É estranho — na boca do seu estômago. É como quando você está nadando e você quer colocar os p~es para baixo, mas a água é mais funda do que você pensou. Você não pode tocar o fundo e seu coração para de bater”.

awebic-ensaio-ansiedade-depressao-9

Fonte: katiejoycrawford.wordpress.com

“Minha cabeça está enchendo com hélio. O foco está desaparecendo. Uma decisão tão pequena para tomar. Uma pergunta tão fácil de responder. Minha mente não está deixando. É como mil circuitos atravessando ao mesmo tempo”.

awebic-ensaio-ansiedade-depressao-10

Fonte: katiejoycrawford.wordpress.com

“Um copo de água não é pesado. É quase sem sentido quando você tem que escolher um. Mas e se você não poderia esvazia-lo? E se você tivesse que suportar seu peso por dias, meses, anos? O peso não muda, mas a carga sim. Em um certo ponto, você não consegue se lembrar como a luz costumava parecer. Às vezes, leva tudo em você fingir que não está lá. E, às vezes, você apenas tem que deixá-lo cair”.

awebic-ensaio-ansiedade-depressao-11

Fonte: katiejoycrawford.wordpress.com

“Sensação de dormência. Que contraditório. Quão apropriado. Você pode realmente se sentir dormente? Ou é a incapacidade de sentir? Estou tão acostumada a me sentir dormente que eu comparo com um sentimento real?”

awebic-ensaio-ansiedade-depressao-12

Fonte: katiejoycrawford.wordpress.com

“Depressão é quando você não consegue sentir nada. Ansiedade é quando você sente tudo demais. Sentir os dois é uma guerra constando dentro da sua mente. Sentir os dois significa nunca ganhar”.

Além de poder seguir a fotógrafa no Facebook, você também pode conhecer mais sobre seu trabalho no site oficial.

Os dados: nos EUA cerca de 7% dos adultos vivenciaram uma situação depressiva no último ano. Já a ansiedade atingiu cerca de 18% dos adultos americanos segundo relatório.

Gostou do ensaio tocante da fotógrafa? Compartilhe!

Leia mais publicações em Awebic.com.

Nós curtimos você. Você nos curte de volta? ❤️



Nossas sugestões pra você

Clique para comentar

Deixe um comentário


Nossos fãs estão curtindo:

Ir Topo