Mente

22 verdades estoicas de Marco Aurélio que te tornarão muito mais forte

Marco Aurélio foi o Imperador da Roma Antiga entre 161 e 180 dC.

Conhecido comumente como o último entre os “cinco bons imperadores”, Marco Aurélio carregou o Império sobre seus ombros, o mantendo de sua queda inevitável e testemunhando o pior:

O declínio da saúde nacional, uma esposa promíscua, uma guerra civil traiçoeira, a ascensão do Cristianismo, uma peste exterminando seu povo às centenas e ameaça de batalha e instabilidade em todos os cantos do Império.

Muitos em sua posição teriam caído na loucura, sob o estresse que era seu fardo diário.

Mas Marco Aurélio perseverou. Como?

É detalhado em seu diário pessoal, Meditações, que discute os pensamentos mais profundos e reflexões de um homem que se livrou de ansiedade e sofrimento, em sua famosa citação:

Hoje escapei à ansiedade. Ou antes, dispensei-a – porque ela estava em mim, na minha perspectiva – não no mundo exterior.”

Este e muitos outros trechos do brilhante estoicismo que guiou a natureza de Aurélio podem ser encontrados em Meditações.

Para muitos, o caderno de Aurélio é o guia definitivo para se tornar a melhor versão de si mesmo – manifestando a grandeza que repousa dentro de você e maximizando sua própria força, humildade, ética pessoal e autodisciplina.

Aqui estão 22 das verdades estoicas mais sábias de Marco Aurélio, enterradas em seu diário de 2.000 anos, que ainda ressoa como verdadeiras hoje.

Confira:

Sobre negatividade

Verdades estoicas que te tornarão mais forte

1) “Nenhum lugar é mais pacífico, mais livre de interrupções do que sua própria alma. Retire-se para consultar sua própria alma e depois volte a encarar o que está à sua espera.”

O estoicismo considera a alma como a “cidadela interior”.

Ensina que a resposta para os seus problemas – mesmo que o seu problema seja a falta de direção – sempre será encontrada em sua cidadela interior, que é o seu próprio santuário pessoal de paz.

Pense na sua mente como um lago profundo. Não importa quanta luta e caos você esteja experimentando na superfície, sempre haverá quietude e silêncio no fundo, e é lá que você encontrará sua resposta.

Em tempos de estresse, alcance-a dentro de você e saia mais forte.

2) “Um mundo sem dor é possível? Então não peça pelo impossível.”

Certa vez foi dito por Aristóteles que, se você não quisesse ter inimigos ou críticos, tudo o que teria de fazer seria: “Não faça nada, não diga nada, não seja nada”.

Mas quem gostaria de viver esse tipo de vida? Dificuldades e dores estão interligadas com uma vida que vale a pena ser vivida.

Pare de procurar pelo impossível – uma vida sem dor ou tristeza – e comece a se esforçar para alcançar seus objetivos.

3) “Pergunte: O que é tão insuportável nessa situação? Por que você não aguenta? Você ficará envergonhado de responder.”

Ninguém está no seu melhor, 24 horas por dia, 7 dias por semana. Quando você se depara com um problema, faça a si mesmo estas perguntas:

Você já se esforçou? Que parte disso será tão difícil? Qual é o primeiro passo? Como posso encontrar motivação hoje?

Depois de começar a fazer as perguntas certas, você perceberá que é muito mais forte do que acreditava. Nunca esqueça a força dentro de você.

Sobre a grosseria dos outros

Verdades estoicas que te tornarão mais forte

4) “Fazer mal é prejudicar a si mesmo. Fazer uma injustiça é fazer a si mesmo uma injustiça. Degrada você. Você também pode cometer injustiça sem fazer nada”.

Ao trazer a negatividade para os outros, você associa sua própria imagem à negatividade, se prejudicando no processo.

Respeito é um processo que vem de si mesmo e, respeitando a si mesmo, você acabará por respeitar os outros.

E finalmente, quando os outros estão sofrendo e você não faz nada para ajudá-los, sua imagem está manchada.

5) “É tolice tentar escapar das falhas de outras pessoas. Apenas tente escapar de suas próprias.”

Estamos todos sobrecarregados com dificuldades e problemas. Mas preocupar-se com a resolução da dor de todos ao seu redor é uma tarefa que levará um século.

Você não pode consertar as falhas daqueles ao seu redor, mas você pode consertar seus próprios problemas.

Trabalhe em você primeiro; deixe os outros se cuidarem.

6) “As pessoas existem umas para as outras. Você pode instrui-las ou suportá-las.”

Os fundamentos da existência permanecem verdadeiros para todos que você vê e interage. Vamos todos amar, rir, chorar; todos nós vamos experimentar a morte daqueles que mais prezamos.

Não é algo que podemos escapar, e percebendo que todos compartilhamos essa humanidade dentro de nós, você também percebe que não há necessidade de desrespeitar ou prejudicar aqueles que nos rodeiam.

Encontre a paz interior e força para tratar as pessoas ao seu redor com nada além de bondade.

7) “Tem que haver pessoas sem vergonha no mundo. Essa pessoa na sua frente pode ser apenas uma delas. Lembrar que toda uma classe deve necessariamente existir permitirá que você tolere seus membros.”

Quando você encontrar pessoas rudes ou malvadas, pare de ficar tão chocado e surpreso com sua existência. Encare o fato de que sempre haverá pessoas más.

Quanto mais esperamos a inevitabilidade de encontrar almas grosseiras, mesquinhas e indelicadas, menos elas nos afetarão.

Não deixe que elas o atraiam para seu próprio inferno pessoal, entendendo que elas existem.

8) “Como um antídoto para combater a crueldade, nos foi dada bondade.”

A coisa mais surpreendente que você pode fazer para uma pessoa indelicada é responder com gentileza.

Ela não terá ideia de como responder, porque só conheceu a indelicadeza daqueles que a cerca.

Combata a grosseria com educação e você os desarmará mais completamente do que qualquer insulto jamais poderia fazer.

9) “Escolha não ser prejudicado e você não se sentirá prejudicado. Não se sinta prejudicado e você não será.”

A maneira como nos sentimos é determinada pela maneira como nos permitimos sentir. O poder que temos sobre a nossa mente é insuperável, se aproveitarmos ao máximo.

Se você for xingado, tudo o que precisa fazer é desassociar-se desse xingamento, e você não se sentirá afetado.

10) “Quando você acordar de manhã, diga a si mesmo: As pessoas com quem lidarei hoje serão intrometidas, ingratas, arrogantes, desonestas, ciumentas e ranzinzas.”

“Elas são assim porque não sabem distinguir o bem do mal. Mas eu vi a beleza do bem e a feiura do mal e reconheci que o malfeitor tem uma natureza relacionada com a minha – não do mesmo sangue ou nascimento, mas da mesma mente e possuindo uma parte do divino.”

“E assim nenhuma delas pode me machucar. Ninguém pode me implicar na feiura. Também não posso sentir raiva do meu parente ou odiá-lo.”

“Nascemos para trabalhar juntos como pés, mãos e olhos, como as duas fileiras de dentes, superiores e inferiores. Obstruir um ao outro não é natural. Sentir raiva de alguém, virar as costas para ele: estes são obstáculos.”

Não importa quão rudes ou ingratas as pessoas ao seu redor possam ser, lembre-se de que você tem total controle sobre suas ações e pensamentos.

Entregar-se à negatividade é uma falha sua; a responsabilidade de suas emoções repousa em suas mãos e somente em suas mãos.

Leia:  Ritual noturno: as 7 coisas que farão você feliz à noite

O estoico correto nunca deixa que outro determine a maneira como ele se sente.

11) “A única coisa que não é inútil: viver esta vida com verdade e razão. E ser paciente com aqueles que não vivem.”

O único valor importante ao qual podemos dedicar nossas vidas é ter certeza de que a vivemos com virtude e bondade, legitimidade e verdade.

Mas, embora possamos perceber isso, nem todos ao nosso redor estão mentalmente preparados para essa percepção.

Não fique bravo com eles por isso.

Encontre paciência em si mesmo para respeitá-los e deixe-os ser quem eles são, até que cheguem ao ponto em que possam ficar ao seu lado.

Sobre a morte

Verdades estoicas que te tornarão mais forte

12) “Depois da morte não há ”nós” para sofrer danos.”

Uma das principais crenças do estoicismo é que a morte é algo que nunca devemos nos preocupar – o estado de estar vivo significa que a morte não é nossa preocupação, e o estado de estar morto significa que não podemos nos preocupar.

A morte, portanto, não pode nos causar nenhum dano.

O próprio Aurélio afirmou que, dentro da morte está o fim do medo.

13) “A Natureza primeiro te convidou e depois te mandou embora. Em breve, escuridão. Faça a sua saída com graça. A mesma graça mostrada a você.”

Antes e depois de morrermos, somos apenas uma parte do cosmos, substância como tudo o mais no universo.

É inútil, então, reagir negativamente à nossa morte; simplesmente devemos abraçá-la, pois é o nosso curso natural como coisas vivas. Nós temos toda a nossa vida para nos prepararmos para a passagem ao nada.

Tenha graça quando finalmente passarmos pela nossa última porta e voltarmos para onde começamos.

14) “Aceite a morte em um espírito alegre, como nada mais que a dissolução dos elementos dos quais cada ser vivo é composto.”

“Se não faz mal aos elementos individuais mudar continuamente uns aos outros, por que as pessoas temem que todos eles mudem e se separem? É uma coisa natural. E nada natural é mal.”

A morte é uma coisa natural, portanto, não pode ser mal. Devemos estar alegres quando chegar, e nada mais é do que um ato de mudança física.

Nós nunca somos verdadeiramente individuais, já que somos todos partes do universo trabalhando em harmonia com o resto.

Apenas o fato de termos encontrado consciência ou felicidade por um único momento é suficiente para dizer que vivenciamos isso para sempre.

15) “Você poderia deixar a vida agora mesmo. Deixe que isso determine o que você faz, diz e pensa.”

Como dizem, “Carpe diem”, ou talvez mais recentemente, “você só vive uma vez”.

Não há garantia de que você passará mais um ano, mês ou dia nesta terra, então você deve direcionar cada ação como se fosse a última.

Viva de uma maneira que você nunca terá que se arrepender da maneira em que seu último dia foi gasto.

Viva todos os dias como uma representação da melhor parte do que você pode ser.

Sobre bom conselho

Verdades estoicas que te tornarão mais forte

16) “Sua alma assume a cor dos seus pensamentos.”

Muitas pessoas subestimam a importância dos nossos pensamentos mais profundos.

Nossas ações e palavras não definem quem somos; são nossos pensamentos, a maneira como pensamos e o que escolhemos pensar.

Quem somos é mais determinado pelo que pensamos – o resto só se encaixa.

17) “Se for suportável, então aguente. Se não for suportável, pare de reclamar. Sua destruição também significará seu fim.”

Dor e sofrimento são inevitáveis, e reclamar não faz mais do que desperdiçar seu próprio tempo.

Se isso não te matar, então saiba que isso vai passar.

E se isso te matar, então encontre paz no fato de que seu fim virá com seu próprio fim.

18) “Faça tudo como se fosse a última coisa que você estava fazendo em sua vida.”

Não podemos controlar o passado ou o futuro, mas podemos controlar o presente. Podemos controlar nossas ações que acontecem aqui e agora.

Se você aceitar plenamente que sua vida acontece no presente, então você deixará de relembrar o passado ou sonhar com o futuro; em vez disso, você começará a construir no presente.

E queremos ser lembrados da maneira como vivemos; se este fosse seu último dia na terra, você ficaria feliz com a maneira como eles se lembrarão de você?

19) “Em algum momento você tem que reconhecer a que mundo pertence; que poder governa e de que fonte você brota; que há um limite para o tempo designado a você e, se você não usá-lo para se libertar, ele desaparecerá e nunca mais voltará.”

É tão fácil sonhar acordado com nossas vidas. Pensar que temos uma quantidade infinita de tempo para realizar nossas esperanças e sonhos, portanto não temos que nos levar a sério no presente.

Mas se você nunca se forçar a seguir em frente, a vida nunca o levará para onde você quer estar.

O fim, a morte, está vindo para nós, lenta, mas seguramente, e todo dia que desperdiçamos é mais um dia que nunca voltará.

Sobre fracassar em sua carreira

Verdades estoicas que te tornarão mais forte

20) “Mantenha diante de seus olhos todos aqueles que experimentaram isso antes de você, e sentiram choque e indignação e ressentimento por isso. Onde eles estão agora? Lugar algum.”

Quando vivenciamos tragédias gigantes em nossas vidas, como perder um emprego ou uma promoção, sentimos que todo o nosso bem-estar emocional entra em um estado de anarquia.

Nos sentimos tristes, indignados, deprimidos, ressentidos, como se fosse a pior coisa que já aconteceu.

Mas lembre-se: milhões de pessoas experimentaram seus próprios sentimentos, e eles encontraram a morte, assim como você um dia encontrará.

Não deixe sua vida ser devastada por emoções que não importam de maneira alguma no grande esquema das coisas.

21) “As pessoas que estão excitadas com fama póstuma esquecem que aqueles que se lembram delas também morrerão em breve.”

Passamos grande parte de nossas vidas em busca de fama, na esperança de sermos imortais – nas mentes daqueles que se lembrarão e nos adorarão.

Mas nós nunca reconhecemos o fato de que não importa quão famosos ou bem-sucedidos nos tornemos, mesmo aqueles que se lembram de nós um dia também morrerão, e nós acabaremos sendo esquecidos, assim como todos os outros.

Portanto, devemos nos governar, não um império, a viver a maior vida que podemos viver.

22) “É a sua reputação que está incomodando você? Mas olhe como em breve estamos todos esquecidos. O abismo do tempo infinito que engole tudo. O vazio de todas aquelas mãos que aplaudem.”

Aurélio deseja nos lembrar de nossas inevitáveis mortes. Nossos esforços e conquistas – tudo isso acabará sendo nada um dia.

Mas isso não é uma crença negativa; ao contrário, é positivo, porque nos livra de nos importar com o que os outros pensam sobre o que fazemos e fazer o que mais nos satisfaz.

Este artigo é uma tradução do Awebic do texto originalmente publicado em Ideapod escrito por Lachlan Brown.

Imagens: pexels.com e pixabay.com

Gostou do conteúdo? Comente e compartilhe com seus amigos!