Humanidade

Artesã transforma guarda-chuvas velhos em sacos de dormir para sem-tetos

Segundo o Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada), no Brasil são mais de 100 mil pessoas que dormem nas ruas.

Ter um trabalho, uma casa pra dormir, comida é tão bom… Mas infelizmente tem muita gente que não tem a oportunidade de ter tudo isso.

As chances de você já ter escutado a frase a seguir são muito grandes: “Não vou ajudar porque ele(a) escolheu estar aí na rua!”. Mas não é bem assim…

Algumas pessoas estão na rua como consequência de problemas de saúde (psicológicos, vícios ou emocionais), financeiros ou de relacionamento familiar.

Saco de dormi de guarda chuva (1)

Existem pessoas que realmente se importam com isso e a artesã Clara de Souza de 57 anos, do Rio de Janeiro, é uma dessas pessoas especiais!

Ela usa seu o talento pra aquecer as noites de quem mora na rua, transformando guarda-chuvas velhos, com defeito e sujos, em sacos de dormir para essas pessoas.

Saco de dormi de guarda chuva (3)

Esse maravilhoso projeto começou há dois anos, depois que Clara viu um homem com muito frio dormindo em uma calçada em Nova Iguaçu, na baixada fluminense, no Rio de Janeiro.

Isso a entristeceu e viu que poderia fazer algo de bom para ele. Clara então decidiu distribuir os sacos de dormir que faz para os sem-teto.

É impermeável, térmico, seca rápido, dá pra lavar em qualquer lugar e eles ficam protegidos. Quando o morador de rua recebe esse carinho, de ganhar um saco quentinho pra ele dormir, ele se sente visto. É isso que eu acho importante, a gente ter um olhar para o outro”, diz a artesã.

Ela já ajudou mais de 100 moradores de ruas com sua iniciativa, entre adultos e crianças.

Leia:  10 boas ações que ficaram marcadas na internet e em vários corações
Saco de dormi de guarda chuva (2)

Seu projeto tem parceria com os próprios moradores de rua e a cada três meses eles vão no achados e perdidos do Rio de Janeiro para ver se tem mais materiais para ela usar.

Muitas pessoas a procuram para comprarem seu guarda-chuva adaptado (ele é ótimo para acampamentos), mas ela não os vende. Ao invés disso, a artesã faz uma bela troca: a cada 8 guarda-chuvas ela dá um saco de dormir para quem tem interesse.

Quem quiser colaborar é só entrar em contato com ela através de seu e-mail: [email protected].

O mundo precisa de mais pessoas assim!

O que você acha da atitude de Clara? Linda, né? Comente!

Fonte: g1.globo.com

Compartilhe com seus amigos e vamos todos juntos ajudar a Clara e sua causa!