Meninas sobreviventes de câncer recriam foto viral três anos depois
Humanidade

Meninas sobreviventes de câncer recriam foto viral três anos depois

Em abril de 2014, Rheann Franklin de 6 anos, Ainsley Peters de 4 e Rylie Hughey de 3 anos lutavam contra três tipos diferentes de câncer.

Foi nessa época que elas se encontraram pela primeira vez para fazer aquela que se tornaria uma foto emocionante e viral por seu significado delicado de encorajamento.

Três anos depois, as mesmas fotógrafas Lora Scantling e Christy Goodger, de Oklahoma, reuniram as meninas para recriar mais uma vez a foto que começou tudo.

Dessa vez a ideia era celebrar as três sobreviventes hoje com 9, 7 e 6 anos respectivamente.

“Eu só queria fazer algo que inspirasse e trouxesse emoção e falasse mil palavras em um único retrato”, explicou Lora na ocasião da foto original ao canal FOX 5 de Atlanta.

[Essa é a foto viral original. Rylie de 3 anos na luta contra câncer de rim, Ainsley na luta contra leucemia linfoblástica aguda e Rheann de 6 anos na luta contra câncer no cérebro].

As três meninas se abraçando na foto original com a mensagem de força sempre será comovente e inspiradora:

Às vezes, a força vem ao saber que você não está sozinho.

Lora Standling explicou ao today.com que tenta fazer algo um pouco diferente a cada ano e isso pode ser visto em cada sessão.

Julho de 2014

Em julho de 2014, quando as meninas souberam que o câncer estava em remissão, se reuniram para celebrar: dessa vez em um cenário com cores vibrantes e coloridas para passar uma mensagem ainda mais positiva.

Lora e Christy tentaram recriar a foto original o mais próximo possível e precisaram de mais de criatividade com o posicionamento, já que Rylie e Ainsley tinham crescido um pouco mais desde abril.

E o resultado? Uma foto forte e alegre ao mesmo tempo.

“A foto com certeza ficou diferente”, disse Andrea Peters, mãe de Ainsley. “Foi cheia de mais esperança e nós sabemos o quanto as meninas impactaram o mundo. Elas trouxeram mais conhecimento para todo mundo, que até os pequenos lutadores estão cheios de força.”

2015

Em maio de 2015, Rheann finalmente passou pela última sessão de quimioterapia, Rylie estava livre do câncer e Ainsley na fase de manutenção e continuamento da quimioterapia até o outono.

“A primeira foto com elas de olhos fechados é que elas estavam lá uma para a outra durante a luta e se abraçando por conforto. E desta vez eu queria mostrar que seu vínculo ainda é forte e que elas venceram juntas”, disse Lora.

2016

Em 2016, as fotógrafas Lora e Christy decidiram colocar as meninas segurando o retrato da foto original para mostrar o quanto elas mudaram.

Na atualização desse ano, Lora explicou o estado de saúde das meninas:

  • Ainsley: continua sendo monitorada, mas a remissão se mantém e ela está “curtindo a primavera.”
  • Rylie: faz exames a cada três meses, mas continua a ficar mais forte. “Ela deixou o hospital e agora aproveita seus dias na pré-escola, ginástica, dança e esportes.” 
  • Rheann: a mais velha do trio, perdeu o cabelo permanentemente por causa da radiação e quimioterapia. Os olhos dela, inclusive, se inclinaram ligeiramente por causa do tumor no cérebro. “As boas notícias é que ela é uma menina de 8 anos feliz com uma vida ativa.

2017

Sobreviventes do câncer, as meninas foram fotografadas para celebrar e continuar passando a mensagem de coragem e força.

Lora explicou que elas estão indo bem, apenas Rheann que ainda tem efeitos da quimioterapia, como crescimento lento, falha no rim e baixo tônus muscular.

[A nova imagem foi divulgada no dia 6 de março por Loram em sua página no Facebook.]

“Eu vou fotografar cada ano enquanto as meninas e o mundo quiser que o façamos”, disse Lora. “Toda vez que nós fazemos uma nova foto, o mundo vai a loucura… Você pode ver como elas mudaram e cresceram e parecem mais felizes e inclusive, mais saudáveis a cada ano.”

As meninas não têm medo de falar sobre a doença e nas suas próprias palavras, explicam como veem tudo isso:

“Câncer é um dragão em seu corpo.” Rheann Franklin

“E a quimio é o príncipe.” Ainsley Peters.

Mas: “Câncer mexeu com a princesa errada.” Rylie Hughey

Maravilhosas e inspiradoras!

Enfrentar o câncer não é nada fácil, ainda mais nessa idade.

Se você gostou de conhecer essa história, compartilhe com os seus amigos.

Fonte: fox5atlanta.com, today.com

Dicas interessantes da web

Clique para comentar

Deixe um comentário


Nossos fãs estão curtindo:

Ir Topo