Educação

5 passos para desbloquear sua criatividade com mapas mentais

Criatividade.

Para algumas pessoas ter ideias ou soluções criativas é algo que acontece naturalmente, já para outras essa não é uma das tarefas mais fáceis.

Nos dias de hoje, ser criativo deixou de ser uma qualidade ou virtude e se tornou algo essencial para o tão sonhado sucesso profissional, independente da área de atuação.

Mas o que fazer quando nossa criatividade está bloqueada? Quando não surgem ideias criativas para aquele determinado assunto?

Talvez você precise fazer um mapa mental.

Nunca ouviu falar? Então, leia os próximos parágrafos, eles podem ajudar muito você.

Bom, primeiro vamos entender o que é o mapa mental.

É um método de organizar pensamentos e compreender ideias. São diagramas usados para ajudar a organizar visualmente informações. Geralmente, começa com uma ideia ou tema central, no centro do mapa.

Subseções ramificam para fora do centro como galhos de uma árvore, mas serão organizadas ao redor, em vez de apenas colocar ideias para cima e para baixo.

São utilizadas muitas cores, marcadores, e vários tamanhos de texto, para organizar a informação. As cores ajudam a agrupar partes de uma ideia, e os textos de tamanhos diferentes ajudam a diferenciar subconjuntos de informações, ou partes mais importantes do mapa.

Se você tem dúvidas se isso realmente funciona, então veja esse dados:

  • Um estudo de 2002 descobriu que alunos que usaram o mapeamento da mente para ajudá-los a estudar obtiveram um aumento de 10% na capacidade de recordar informações.
  • O mesmo estudo ainda projetou que os alunos que estavam mais familiarizados com o processo e mais motivados para usá-lo, poderiam ter um aumento de 15% no seu aproveitamento.

O segredo dessa técnica é que a informação é organizada visualmente e você a organiza de modo que seja mais fácil de lembrar. Você não estará apenas copiando as palavras, estará pensando sobre o que elas significam e onde elas se encaixam no mapa.

Também é importante perceber que não é o próprio mapa que ajuda você a aprender, é o processo para fazê-lo. Você tem que entender como as ideias devem ser organizadas, para chegar a um resultado que ajude.

Leia:  19 cortes de cabelos tão hilários que é difícil acreditar que são reais

Não sabe como criar um mapa mental?

Então, veja 5 passos básicos para criar um:

Comece no meio de uma página em branco com uma palavra-chave, ideia ou assunto que você está tentando compreender ou organizar.

1. Decida sobre uma ideia central e anote

2. Adicione ramos

Os ramos mais próximos ao centro serão assuntos mais relevantes que contarão com o apoio de temas mais abrangentes. Ideias que precisam ser melhor desenvolvidas devem ir para ramos menores.

3. Adicione palavras-chave para os ramos

4. Código de cor seus ramos e subgrupos

Usar uma cor diferente para cada ideia, vai ajudar você a descobrir como colocar novas palavras-chave ou imagens em seu mapa.

5. Adicionar imagens ao seu mapa ajuda a solidificar as ideias

Ao terminar o seu mapa, você deve ter uma compreensão completa da ideia central, e como todas as subideias relacionam e interagem com a ideia principal.

Se você quiser ver exemplos para se inspirar e criar o seu. Aqui estão alguns exemplos de mapas mentais que podem ajudá-lo a obter uma melhor compreensão de como eles funcionam.

Não fique triste e desanimado se o seu não sair igual aos que mostramos como exemplo. O importante é que ele ajude você a ter ideias mais claras e eficientes. ;)

Se você achou que essa técnica pode ajudar, mas não está convencido de suas habilidades de desenho, você pode usar algum programa de computador para dar ajudar no processo de construção do seu mapa.

Você não vai ter muitos problemas em encontrar soluções bacanas, mas uma boa indicação é o Coggle.

Esses programas possibilitam vincular documentos, websites, imagens ou outros conteúdos digitais ao seu mapa, tornando mais fácil para reunir suas informações ou ideias em um lugar acessível.

Fonte: pickthebrain.com.

Gostou do artigo? Compartilhe com um amigo.