Barbeiro dá desconto para crianças sob uma condição: ler em voz alta
Cultura

Barbeiro dá desconto para crianças sob uma condição: ler em voz alta

Esse é o tipo de estabelecimento que você gostaria que as crianças fossem cortar o cabelo.

Na barbearia Fuller Cut na cidade de Ypsilanti, no Michigan, as crianças que leem livros em voz alta para os seus barbeiros ganham descontos de $2 dólares.

O objetivo, é claro, não é o dinheiro que volta para as crianças, mas o incentivo a leitura com livros infantis que possuem imagens e mensagens positivas.

Ryan Griffin, barbeiro que trabalha há 20 anos na Fuller Cut e levou o programa de desconto para o estabelecimento, disse ao Huffington Post que os pais adoram e em tom divertido, que as crianças gostam de receber os dois dólares de volta.

E o que a comunidade achou do programa?

A comunidade realmente abraçou a ideia. A loja tem recebido livros mais especificamente de clientes que já ouviram sobre o programa de leitura e as crianças mais velhas gostam de doar seus livros antigos.

“Recebemos elogios de professores o tempo todo também”, explicou Ryan ao jornal.

“Programa Leia para um Barbeiro”: Promovendo Educação. Crianças: 1. escolha um livro, 2. leia para o seu barbeiro, 3. receba desconto de $2 de seu corte de cabelo. “É mais fácil construir crianças fortes do que consertar homens quebrados.” Frederick Douglas

A barbearia atende diversas comunidades e por isso o tema é muito específico:

“Todos os nossos livros têm imagens positivas de afro-americanos, sejam astronautas, atletas ou escritores”, disse ele.

E de onde veio a ideia?

Ryan explicou que ouviu falar sobre o conceito ter sido abraçado em lugares como a cidade de Dubuque (Iowa), Houston (Texas) e Columbus (Ohio) e lhe pareceu uma ótima ideia.

Inspirado com o programa de desconto, um pai de três filhos levou seus livros não mais usados para a barbearia e falou sobre a ideia a outros pais. E a quantidade de livros rapidamente cresceu.

“E foi assim que começou. Não era nada grande. Eu só queria ser responsável”, disse Ryan ao Huffington Post.

E quando as crianças não sabem ler?

Isso não é problema!

Ryan observa que quando as crianças pequenas não sabem ler, mas veem os maiores lendo e se interessam por pegar um livro, isso é sem dúvida o mais importante:

“Porque quando uma criança pensa que é legal ler, isso é um presente.”

Concordamos com ele!

A leitura tem algum monitoramento?

Sim. Ryan disse que monitora o progresso das crianças que participam do programa e se uma delas não termina um livro específico em uma única ida à barbearia, ele incentiva que seu pequeno cliente volte a pegar o mesmo para continuar de onde parou.

O monitoramento, assim como o incentivo à leitura em voz alta melhora a compreensão dos pequenos e lhes ajuda a construir a confiança:

“Algumas crianças vão para a aula e sentem medo de ler em voz alta, mas isso realmente constrói a confiança deles”, disse ele.

Leitura hoje para um bom futuro amanhã?

Com toda a certeza a resposta é sim. Ryan observa que o impacto positivo na vida das crianças acontece agora, mas ação visa o futuro:

“Se nós pudéssemos receber as crianças de volta no Fuller Cut como adultos na faculdade e eles nos dissessem: ‘Por causa de vocês que nos fez ler aqui, me fez querer ser um escritor ou jornalista’, esse é realmente o objetivo final.”

Cortar o cabelo nunca foi tão didático, divertido e construtivo, gerando assim pequenos grandes leitores!

O que você achou da iniciativa? Compartilhe com os seus amigos!

Fontes: huffingtonpost.com, boredpanda.com.

Nossas sugestões pra você

Clique para comentar

Deixe um comentário


Nossos fãs estão curtindo:

Ir Topo