8 coisas que a maioria das mães não sabe sobre Minecraft
Ciência e Tecnologia

8 coisas que a maioria das mães não sabe sobre Minecraft

Minecraft é hoje um dos jogos mais populares do mundo entre as crianças.

Há 6 anos no mercado, o game é uma febre entre os mais novos por vários motivos que você vai descobrir aqui.

Com seus gráficos simples e de fácil jogabilidade, tem rodado o mundo conquistando mais jogadores e novas possibilidades de se utilizar o jogo.

Os pais assistem um tanto quanto temerosos aos seus filhos em frente ao jogo. Porém, é preciso observar o alto potencial educativo que esse game oferece.

A escola de programação e robótica Ctrl+Play separou 8 coisas que os pais precisam saber sobre Minecraft:

  1. O Minecraft não tem fim
  2. As crianças estarão seguras no jogo
  3. Os diferentes modos de jogo
  4. Minecraft é para todo mundo
  5. Estimula o trabalho em equipe
  6. Os Mods do Minecraft
  7. O Minecraft é muito educativo
  8. O Minecraft para o aprendizado da programação

Acompanhe cada item e fique um pouco mais por dentro do mundo Minecraft que fisga a atenção do seu filho.

1. O Minecraft não tem fim

O Minecraft é um jogo formado por blocos que se ajuntam para a criação das mais variadas estruturas, objetos e muitos outros.

Configura-se como um jogo sandbox (um estilo de game em que são impostas limitações pequenas ao personagem. Assim, o jogador pode vagar e modificar completamente o mundo virtual de acordo com a sua vontade).

Possui então, uma infinidade de possibilidades oferecidas aos jogadores. Diferentemente dos jogos de modo carreira, não possui as famosas “fases” ou “missões” que se sequenciam para um final resolvido.

Graças a esse formato, propicia às crianças que se utilizem da imaginação para criar os mais variados tipos de produtos, construções e o que mais se pensar.

O Minecraft faz-se, então, um excelente estímulo à criatividade da criança.

2. As crianças estarão seguras no jogo

O jogo possui modos de se jogar sozinho e é muito divertido dessa maneira.

Porém, muitas crianças gostam de jogar no modo multiplayer, onde pode-se chamar os amigos, compartilhar os produtos criados, as construções, etc.

A boa notícia é que os pais podem controlar com quem os seus filhos jogam. Os pais podem liberar a interação apenas com aqueles usuários conhecidos e assim deixar a experiência do jogo mais segura para seus filhos.

3. Os diferentes modos de jogo

O jogo possui modos de trazer experiências diferentes para o jogador. São os chamados modos e se dividem em 5, conforme explicado a seguir.

Creative: modo livre, o básico do Minecraft. Os itens (como ferramentas, produtos agrícolas, tijolos, etc,) já estão disponíveis e não possui “vidas”.

Survival: o jogador possui um número de x de vidas. Os itens precisam ser coletados. Após morrer no jogo, o usuário volta para um ponto pré-estabelecido por ele.

Hardcore: o jogador possui uma única vida e ao morrer, volta ao ponto inicial do jogo, perdendo todo o progresso conquistado até então.

Spectator: o usuário não realiza função alguma, apenas assiste ao jogo.

Adventure: é um modo com mais dificuldade que o criative. Nele, as ações são um pouco mais difíceis de se realizar. O usuário também podem criar “fases” parecidas com as de jogos mais comuns.

4. Minecraft é para todo mundo

Fácil de se compreender e jogar, o Minecraft não possui nenhuma restrição de público ou idade.

Está disponível para várias plataformas (computadores, videogames e celulares). Oferece diversão para crianças de várias idades, sendo menina ou menino. É barato e não oferece dificuldades ao seu usuário.

Dessa maneira fácil e encantadora, o Minecraft já conquistou mais de 100 milhões de jogadores por todo o mundo.

5. Estimula o trabalho em equipe

Ao entrar no modo multiplayer, os jogadores entram em contato com os mais variados problemas. Seja de lógica, organização, modo de construção, etc.

Essas questões todas precisam serem resolvidas com os amigos. Assim, a criança exercita características importantes para sua formação, como: tomadas de decisão, interação com outras pessoas, argumentação e organização.

6. Os Mods do Minecraft

Um dos motivos que tornaram o Minecraft tão popular, é a possibilidade que o game abre para a criação de modificações, os chamados “Mods”.

O usuário pode criar o seu “Mod”, que irá mudar a estrutura do jogo, sua aparência e funcionalidades. É preciso que os pais tomem bastante cuidado, pois esses Mods podem ser criados por qualquer pessoa.

É importante ficar atento ao jogo do filho e perceber como ele se configura.

Felizmente, existem variados “Mods” que são muito bons para a educação e propiciam a transmissão dos mais variados conteúdos, como veremos nos itens a seguir.

7. O Minecraft é muito educativo

Matemática, Artes, Ciências, Lógica, História, Programação, Design, Geometria, Arquitetura.

Já pensou aprender todos esses conteúdos de maneira divertida e com o auxílio do seu jogo preferido?

Pois bem, o Minecraft oferece isso e muito mais!

Os professores já estão trazendo o Minecraft para a sala de aula. No Brasil, professores utilizam do jogo para recontar a história da cidade de São Paulo. A Folha de São Paulo traz outros exemplos, como a China, que tem recriado cenários de romances clássicos.

Na Austrália, utilizado para o ensino da geometria. Na Suécia – país de origem do criador do Minecraft, Markus “Notch” Persson – o game já está sendo incorporado à grade escolar.

Estima-se que mais de 40 países já utilizam o jogo em sala de aula.

A Microsoft lançou o portal “Minecraft in Education” (“Minecraft na Educação”, em tradução livre). Ele procura unir professores e alunos do mundo todo em torno do jogo. Visto como altamente educativo e muito utilizado, a iniciativa visa à estimular mais ainda a utilização do game para o ensino dos mais variados temas.

A diretora da área de Educação da Microsoft, Vânia Neto cita: “Na Microsoft acreditamos que a tecnologia pode e deve ser aplicada em novas formas de aprendizagem, que sejam inspiradoras e permitam aumentar a motivação, envolvimento e interação. Estamos empenhados em contribuir ativamente para o aumento das competências digitais e de programação de todos os alunos, e o Minecraft para Educação será uma ferramenta muito útil para atingir esse objetivo”.

8. O Minecraft para o aprendizado da programação

O Minecraft oferece também opções de alguns mods para o aprendizado da programação.

Esses “Mods” mudam aspectos do jogo, como sua aparência e funcionalidades, visando o ensino desejado. Uma dessas ferramentas se constitui de um robô que realiza funções dentro do jogo, que são programadas pela criança, seguindo as lógicas de programação.

Nela, o usuário consegue escrever códigos que irão desencadear ações dentro do jogo, as chamadas “turtles”. Assim, a criança entra em contato com conceitos teóricos da programação através de um modo divertido dentro do seu jogo predileto.

Gostou?

O curso de programação e robótica da Ctrl+Play traz em sua grade curricular a utilização do Minecraft para o ensino da programação.

Popular entre as crianças, ensina conceitos importantes para o futuro de maneira divertida e interativa.

Se você ficou interessado em preparar o seu filho, ou filha, para o futuro através do aprendizado divertido da programação, agende uma aula experimental de criação de jogos.

***

A Ctrl + Play é uma escola de programação e robótica para crianças e adolescentes com metodologias de MIT, Microsoft e Google. Parceria do Awebic, a escola tem a missão de ensinar programação para as pessoas que criarão o futuro do Brasil.

Leia mais publicações em Awebic.com.

Nós curtimos você. Você nos curte de volta? ❤️



Nossas sugestões pra você

Clique para comentar

Deixe um comentário


Nossos fãs estão curtindo:

Ir Topo