Animais

Tubarão que pode ter nascido em 1505 é encontrado vivo na Groenlândia

Se você já completou 30 anos e pensa que está se sentindo velho(a), espere até conhecer o tubarão centenário da Groenlândia.

Pesando mais de uma tonelada e medindo cerca de 5,5m, ele foi encontrado por biólogos marinhos que, ao medir seu comprimento, estimam uma idade entre 272 e 512 anos.

Tubarão de 512 anos (1)

É difícil imaginar algo ainda vivo que tenha nascido em 1505.

Esse foi o ano em que Martinho Lutero tornou-se um monge, e o rei Henrique VIII cancelou seu noivado com Catherine de Aragão…

Ou seja: há muito tempo!

E ele não é o único: os tubarões que vivem nas águas geladas do Oceano Ártico são conhecidos por viver centenas de anos e passam a maior parte da vida em busca de um(a) companheiro(a).

Se a estimativa dos biólogos estiver certa, esse tubarão seria o vertebrado vivo mais antigo do mundo, tendo ‘sobrevivido’ à Revolução Industrial, à fundação dos EUA e às duas guerras mundiais.

Tubarão de 512 anos (2)

Devido à sua longevidade, os pesquisadores da Noruega acreditam que os ossos e tecidos desses tubarões podem nos dar uma ideia do impacto das mudanças climáticas e da poluição durante um longo período de história.

Além disso, eles estão mapeando o DNA dos animais para entenderem melhor o que determina a expectativa de vida em diferentes espécies, inclusive nos humanos.

“As espécies de vertebrados vivos mais antigos do planeta formaram várias populações no Oceano Atlântico. É importante saber disso para que possamos desenvolver ações de conservação apropriadas para essa importante espécie”, conclui o professor Kim Praebel em um simpósio organizado pela Fisheries Society of the British Isles.

Achou a descoberta interessante? Então compartilhe!

Fonte: ladbible.com

Leia:  Terapia com animais transforma a vida de menina que não conseguia falar