Ambiente

Ideia sustentável: agora você pode comprar um café, enterrar o copo e ver uma bela flor nascer

Copos de café que se transformam em plantas. A ideia de um estudante da Universidade Politécnica da Califórnia ainda é um protótipo, mas tem grandes chances de se tornar a mania nos cafés locais.

copo biodegradável 2

Fonte: planttrash.com

Todos os dias milhares de copos de café são utilizados e descartados. Ainda que existam copos em material reciclável isso parecia insuficiente para o estudante Alex Henige. Ele teve a ideia de produzir copos com material totalmente biodegradável e ainda mais: incluir sementes de espécies nativas nestes copos.

O conceito é simples: os copos são feitos de papel reciclado e junto com o papel são prensadas sementes de plantas da região em que o copo será distribuído. O cliente vai a um café e sai na rua carregando seu copo com a bebida e muitas sementes.

O copo pode ser plantado por quem comprou a bebida ou, se jogado em lixeiras especiais, ser recolhido por um projeto de reflorestamento, que irá levar dezenas de copos para serem ‘plantados’ em locais adequados.

biodegradable-plantable-coffee-cup-reduce-reuse-grow-1

Fonte: planttrash.com

Alex contou a um site que foram feitos testes com sementes da Califórnia e perceberam que o calor do copo não atrapalha na germinação das sementes. Elas também não são contaminadas pelo café, já que não entram em contato direto com ele.

A empresa Reduce. Reuse. Grow. (“Reduza. Reutilize. Cresça.”, em tradução livre) criada por Alex irá iniciar a produção na Califórnia, com financiamento coletivo.

Se tiverem sucesso, a ideia é passar a fazer testes com sementes de outras regiões e expandir o mercado, com o cuidado de não introduzir espécies em ecossistemas diferentes dos originais.

Fonte: boredpanda.com

Clique no play para ver mais detalhes sobre o projeto

Infelizmente o vídeo não tem legendas em português.

Leia:  Como economizar no supermercado? Fácil: plantando uma horta na piscina!

Saiba mais no site oficial da iniciativa: planttrash.com.